8.11.18

✖ "Não é coisa de homem", comenta Sandro Pedroso ao blog sobre atitudes de peão da "Fazenda"

É minha gente o bicho está pegando na "Fazenda". Nesta semana, aconteceu a segunda expulsão da história do reality show da Record TV. Como todos sabem, a empresária Nadja Pessoa, foi desclassificada do programa, após o descumprimento de uma das regras da atração. 

E, para comentar o assunto o blog esteve conversando com o ator Sandro Pedroso que esteve participando do reality show. Sandro foi o segundo eliminado da atração, e, com uma possível "repescagem", ele deixa claro o quanto gostaria de retornar ao programa, para mostrar como é que faz um reality de verdade. 

Além da expulsão de sua colega de confinamento, o ex-peão também abriu o jogo sobre sua participação no reality show. Confira abaixo na íntegra a entrevista: 


Imagem/Reprodução/Instagram/sandropedroso

- Não tem como não começar falando sobre a expulsão da Nadja.. Como você avalia o atual cenário do programa? Gostaria de saber se quando você ainda estava confinado imaginava que algo do tipo poderia acontecer? 

Sandro Pedroso: Olha todo mundo falava que quando a Ana Paula saísse, iam acabar as brigas. Mas, não acaba gente, os conflitos não acabam, é um jogo muito bem feito. Não tem como acabar os conflitos, porque você está ali o tempo todo à flor da pele. Por exemplo se você lava uma xícara, as pessoas brigam porque só lavou sua xícara, se lava a louça inteira falam que estamos fazendo média. Então, todo mundo ali fica à flor da pele, é um jogo surpreendente, quem esperava por essa expulsão? Somos todos seres humanos, não somos uma máquina, e, temos sentimentos, todos nós temos nossos momentos de explosão, e, acontece. Por isso, que "A Fazenda" é um jogo tão interessante, um jogo que faz as pessoas não querer tirar o olho do programa. 

- E, o que você achou sobre a expulsão da Najda?
Sandro Pedroso: Bom, primeiro que achei que o Caique e a Fernanda agiram de muita má fé. Eles usaram do ao vivo, para trazer aquela suposta história com o Sertanejo, e, aquilo abalou muito o emocional da Nadja. E, lá dentro a gente fica muito à flor da pele, e, não sendo só isso, o Caique voltou para sede continuando com as provocações em cima dela, afrontando ela. Eu nunca vi ele afrontar um homem, queria ver se ele tem coragem de fazer isso com um homem de verdade, pra mim o que ele fez não é coisa de homem. 

- Como você avalia sua participação no reality show?
Sandro Pedroso: Para mim foi muito bom, porque eu fui quem eu sou. Tanto lá dentro, quanto aqui fora, eu sou e fui o que eu sou. Sou um cara tranquilo mesmo, respeitei a minha mulher, honrei a minha família, respeitei meu filho, segui meus princípios, não fui mal caráter e não falei nas costas de ninguém. Tudo o que falei, foi na cara das pessoas, e com certeza dali abrirão várias portas, e o programa foi uma das experiências mais incríveis da minha vida. 

Imagem/Reprodução/Imagens da Internet/Foto-Montagem/Ilustração
- Agora fora da "Fazenda", qual conselho você daria para Nadja?
Sandro Pedroso: Bom, primeiro queria dar os parabéns para Nadja, ela foi uma mulher muito guerreira, ela conquistou muita coisa lá dentro, foi uma mulher forte, de opinião, enfim, uma guerreira mesmo. Queria desejar toda sorte do mundo para ela, várias portas vão se abrir para ela, ela é uma pessoa querida no Brasil inteiro, tem milhares de fãs, conquistou muita gente, e, que Deus continue abençoando a vida dela, e do marido dela, e que eles sejam muitos felizes. 

- Você pretende manter contato com os seus colegas de confinamento?
Sandro Pedroso: Pretendo sim, como é um jogo muito intenso, você acaba se aproximando com as pessoas de uma maneira muito intensa também. Pretendo manter minha amizade com o Felipe Sertanejo, que é um grande cara, do bem de família. Com o Evandro que sempre que estive ali me tratou com carinho e com respeito, sentia que os abraços dele eram verdadeiros. Com o Chulapa também que é um cara super verdadeiro, super gente boa. E com os outros também, no jogo tem alguns que você tem mais afinidade, com outros um pouco menos, ah, e o João também que é um cara muito bacana, bem tranquilo. E, por isso que acredito que com essas pessoas vou continuar minha amizade aqui fora. 

- Finalizando a entrevista deixe uma mensagem aos leitores do blog e ao público que te acompanha: 
Sandro Pedroso: Bom, gostaria de agradecer todo mundo, aos leitores, a todo mundo que me acompanhou na "Fazenda", que me acompanha pelas redes sociais agora. Gostaria de agradecer cada voto de vocês, eu recebo tantas mensagens de carinho, mensagens me parabenizando pela minha participação. E queria agradecer por todo esse carinho viu gente? Então, um beijo no coração de cada um de vocês. 

Imagem/Reprodução/Instagram/sandropedroso

2 comentários:

© Blog do Mario Brito - Todos os direitos reservados.
Layout criado por: Julia Villela.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo